COMO IDENTIFICAR PEDRAS PRECIOSAS

INTRODUÇÃO AO CURSO

Consideramos sempre Como Identificar Pedras Preciosas, uma arte dominada por poucos, pois este conhecimento sempre permaneceu dentro das faculdades e em Laboratórios, e sempre de alguma forma restrito a poucos , por questão de valores ou por questões de localização,pois estes conhecimentos sempre ficam em grandes cidades e capitais.

Como Identificar uma Pedra preciosa

Porém com o advento da internet, este quadro tem se modificando, pois hoje temos acesso a conhecimentos nunca pensado a 50 anos atrás, assim podemos estudar e conhecer sobre muitos assuntos nunca pensado.

Bem dentro desta linha de pensamento, sempre imagino que ser um autodidata, é muito interessante porém quando de assunto estranho ao nosso meio , ficamos com alguma dúvida e por vezes não temos a quem perguntar.

Sempre penso quando fui aprender tocar violão, sempre ficava com a impressão de estar fora do ritmo, fora do compasso ou seja como saber…

 

Conhecer o CURSO DE GEMOLOGIA. CLIQUE AQUI

CONHEÇA NOSSOS CURSO

Bem voltando a Identificação de Pedras Preciosas, com certeza isto irá acontecer então se você tem esta vontade de aprender sobre os passos de Como Identificar uma Pedra Preciosa o ideal, ainda é um Curso online, que irá atingir todos, onde tiver um sinal de internet.

Vamos apresentar nosso Curso de forma que você possa aprender de forma didática, passo a passo, e com um canal direto a qual possa tirar dúvidas, sugerir novas matérias ou seja interagir, para que todos possamos aprender e trocar conhecimentos.

tipos-de-lupa

Nosso curso está dividido em 10 capítulos sendo:

I- CONCEITOS BÁSICOS

1. MINERALOGIA: É a ciência que trata das espécies inorgânicas chamadas minerais, que isoladamente ou formando rochas, constituem a crosta terrestre.

11. CLASSIFICAÇÃO QUÍMICA: Os minerais podem ser classificados quimicamente em substâncias simples e compostas. As substâncias minerais simples são formadas pela cristalização de átomos da mesma natureza química, por exemplo, o ouro, o diamante, etc.,

Chamados elementos nativos. Os minerais compostos são aqueles formados por átomos diferentes.

II- PROPRIEDADES FÍSICAS
Propriedade e a qualidade inerente aos corpos. É o que distingue particularmente uma coisa da outra do mesmo gênero.
As propriedades físicas dos minerais são excelentes meios de informação para a identificação das espécies gemológicas.

III- PROPRIEDADES FÍSICAS DEPENDENTES DA LUZ
Propriedades ópticas são aquelas que se manifestam sob a ação da luz. A luz e uma vibração eletromagnética de determinados comprimentos de onda. O olho humano percebe comprimentos de ondas que se situam na faixa de 400nm a 700nm

IV- FENÔMENOS ÓPTICOS DAS GEMAS

Além dos fenômenos normais de reflexão, refração e dupla refração, que ocorrem quando um raio de luz incide sobre uma gema, outros acontecem devido a interação luz e imperfeições da gema.

V- INCLUSÕES
Inclusão e um corpo gasoso, líquido ou sólido contido na massa de um mineral. Em sentido mais amplo, qualquer imperfeição na massa do mineral. Muitas vezes essas inclusões não são visíveis a vista desarmada e nem com auxilio de lupa gemológica. É necessário, para tanto, a utilização do microscópio gemológico.

VI- GEMAS SINTÉTICAS E IMITAÇÕES

O termo “sintético” refere-se a todas as substâncias fabricadas pelo homem. No caso especifico da gemologia e necessário fazer distinção entre os termos sintético, reconstituição, imitação e falsificação.

Pedras Doublets

INSTRUMENTOS USADOS EM ANALISE GEMOLÓGICA

CUIDADOS E MANUSEIO
Neste capítulo abordamos todos os equipamentos usado para a Identificação de uma Pedra, sendo a maioria deles ópticos, com todas as características e modo de uso e cuidados.

 

 

GEMAS SILICÁTICAS: BERILOS (Aguamarinha)
AGUAMARINHA E SUAS CARACTERÍSTICAS
GEMAS SILICÁTICAS: ESMERALDAS
IMITAÇÕES
O vidro verde é um dos produtos mais usados na imitação da Esmeralda.
GEMAS SILICÁTICAS: TURMALINAS

TRATAMENTO TÉRMICO
A influência do calor na Turmalina é variável, sendo o normalmente clarear a cor.

GEMAS SINTÉTICAS E IMITAÇÕES
Introdução – Métodos de síntese – Principais- gemas sintéticas – Gemas compostas -Vidros e Plásticos.

PRINCIPAIS GEMAS SINTÉTICAS

GEMAS COMPOSTAS
VIDROS E PLÁSTICOS
GEMAS SILICÁTICAS: QUARTZO E SUAS VARIEDADES

Abordamos sempre de forma simples e didática para que se possa compreender e assimilar todos os conhecimentos necessários.

Gostaria de saber mais sobre GEMOLOGIA

 

Se você gostou desta matéria, RECEBA GRATUITAMENTE UM E-BOOK
EXCLUSIVO PARA VOCÊ:

AS 12 PEDRAS BRASILEIRAS MAIS FAMOSAS

Boa Leitura

Conheça Também
Outros Artigos

Conheça também os nossos cursos